Sabia que: Existe uma forte tradição budista em 3 Repúblicas da Rússia?

Publicado em Atualizado em

Ainda que pouco conhecida, existe uma forte tradição budista em 3 Repúblicas da Federação Russa: Buriácia, Tuva e Calmúquia.

Budismo na Rússia
Burkhan Bakshin Altan Sume | Foto de: Wikimedia, user JialiangGao – CC BY-SA 3.0

Buriácia e Tuva geograficamente situam-se na Ásia, no sul da Sibéria. Calmúquia situa-se na Europa, sendo a única região na Europa onde o Budismo é a religião mais praticada.

A primeira evidencia do Budismo no território russo remonta ao Século 8, mas foi só a partir do Século 17 que o Budismo se começou firmemente a estabelecer.

A principal escola budista na Rússia é a Gelukpa do Budismo Tibetano. A tradição tibetana espalhou-se para a Mongólia e da Mongólia para a Rússia.

Como todas as outras religiões, o budismo sofreu muito quando os comunistas chegaram ao poder em Outubro de 1917. Na década de 1920, enquanto o poder comunista ainda era relativamente fraco, um mínimo de liberdade religiosa era possível, mas na década de 1930, Stalin lançou uma guerra total contra os “Inimigos do povo”, milhões de pessoas foram mortas entre as quais milhares de monges. Somente na república siberiana da Buriácia, 46 mosteiros e 150 templos foram fechados e profanados pelos comunistas.

Após a queda da União Soviética, o renascimento budista começou na Calmúquia com a eleição do Presidente Kirsan Ilyumzhinov. Também foi revivido em Buriácia e Tuva e começou a espalhar-se para outras regiões. Em 2016 foi inaugurada a primeira Stupa no Ártico.

Fyodor Shcherbatskoy, um renomado indólogo russo que viajou para a Índia e Mongólia durante a época do Império Russo, é amplamente considerado por muitos como o responsável por estabelecer as bases para o estudo do budismo no mundo ocidental.

Alguns dos Templos mais emblemáticos

Ivolginsky Datsan (Buriácia)

O datsan foi inaugurado em 1945 como o único centro espiritual budista da URSS. Com o passar do tempo transformou-se no centro monástico com a residência de Pandido Khambo Lama, o líder de todos os Lamas russos. Foi também a residência do Conselho Espiritual Central dos Budistas da URSS e mais tarde da Sangha Budista Tradicional da Rússia.

Como monumento cultural e religioso, o Datsan é protegido pelo Estado. O Centro incluí vários templos, uma biblioteca, um hotel, uma Faculdade de Filosofia (Choyra), Universidade Budista, museu de arte, stupas, casas para os Lamas e outras infraestruturas.

Em 1911, o 12º Pandido Khambo Lama, Itigilov, disse aos seus alunos que enterrassem o seu corpo após a sua morte e o verificassem passados 30 anos. Segundo a história, Itigilov sentou-se em posição de lótus e morreu enquanto meditava. Quando exumaram o seu corpo 30 anos depois, ficaram surpresos ao verificarem o corpo intacto. Itigilov parecia ter morrido apenas há algumas horas em vez de três décadas. Temerosos da resposta soviética, os monges voltaram a enterrar o corpo num túmulo sem identificação.

A história não foi esquecida e em 2002 voltaram a exumar o corpo, tendo sido examinado por monges e cientistas. Foi declarado que o corpo estava muito bem preservado e sem os habituais sinais de decadência e decomposição. O interessante é que supostamente o corpo nunca foi embalsamado ou mumificado.Sokushinbutsu - Monge auto-mumificado

O corpo de Itigilov foi reconhecido como um dos objetos sagrados da Rússia. Em 2013 o Presidente Putin foi à Buriácia para “conversar” com Itigilov e outros Lamas.

Datsan Rinpoche Bagsha (Buriácia)

Está entre os templos budistas mais bonitos da Rússia e é conhecido pela magnífica vista sobre a cidade Ulan-Ude.

Burkhan Bakshin Altan Sume (Calmúquia)

É o maior templo budista do Leste Europeu e um dos maiores da Europa.

__

Saiba mais:

Sabia que:

Veja também:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.