Natal: Sugestões de livros para oferecer a um budista

Publicado em Atualizado em

Se você pretende oferecer um livro relacionado com o budismo, talvez seja bom saber se a pessoa segue alguma escola particular ou não. Por exemplo se a pessoa segue o Budismo Vajrayana (Tibetano), talvez não tenha interesse nas escolas Mahayana como o Zen e no Budismo Theravada. No entanto, mesmo que a pessoa siga alguma escola particular, também pode estar aberta aos ensinamentos de outras escolas, vai depender de cada um. As sugestões que se seguem são livros de mestres respeitados por todas as tradições.

Livros de S. S. Dalai lama: O 14º Dalai Lama é provavelmente o mestre budista mais conhecido no mundo. Pertence a uma escola do Budismo Tibetano e quase todos os praticantes deste ramo do budismo admiram os seus ensinamentos.  É respeitado por quase todas as tradições, sejam elas tibetanas ou não, e os seus livros são amplamente vendidos. Existem dezenas de livros do Dalai Lama, as possibilidades de escolha são muitas, ficam aqui apenas 3 sugestões:

  • O Universo num Átomo: A Convergência entre Ciência e Espiritualidade [Trecho]
    Sinopse: Ao fim de quarenta anos de aprendizagem com alguns dos maiores cérebros científicos – e de uma vida de estudo meditativo, espiritual e filosófico -, o Dalai-Lama apresenta uma análise brilhante do motivo pelo qual é necessário seguir todas as vias de investigação – tanto científicas como espirituais – para alcançar uma imagem completa da verdade.
  • Um Apelo ao Mundo: O Caminho da Paz em Tempos de Discórdia
    Sinopse: Vivemos uma era marcada pela divisão: os políticos preferem defender as fronteiras, nunca a inclusão; as desigualdades económicas evitam a coesão; as religiões geram violência. E, no entanto, a necessidade de unidade nunca foi tão premente, já que as crises que a Humanidade enfrenta são cada vez mais globais.
    Neste livro único e tocante, o 14.º Dalai Lama revela a sua profunda crença em cada um de nós, afirmando que todos temos as sementes da paz mundial: «Vejo cada vez mais claramente que o nosso bem-estar espiritual não depende da religião, mas da nossa natureza humana inata.»
    Abordando temas tão atuais quanto o nacionalismo, a crise dos refugiados, a igualdade de género ou a neurociência, este Apelo ao Mundo é um manifesto que pode fazer a diferença, primeiro na vida de cada um, depois na relação com os outros, e, finalmente, no futuro do mundo.Um pequeno livro de grande sabedoria e pertinência para tempos conturbados.
  • Um Guia para a Vida
    Sinopse: Um Guia para a Vida resulta de um encontro entre o Dalai Lama Tenzin Gyao, o líder espiritual do povo tibetano, e um conhecido psicólogo americano, em diálogo sobre temas em que duas tradições distintas, Oriente e Ocidente, se encontram na mesma investigação das grandes interrogações da existência, centrada essencialmente no direito à felicidade que assiste todos nós.

Livros de Thich Nhat Hanh: Também conhecido como Thay, é outro dos mestres mais conhecidos no mundo. Faz parte de uma linhagem Zen Vietnamita e vive no mosteiro que fundou em França. É ativista pela paz e defende um budismo socialmente engajado. Os seus ensinamentos são elogiados pelos praticantes e mestres de quase todas as tradições. São muitos os livros de Thay, ficam aqui 3 sugestões:

  • Velho Caminho, Nuvens Brancas: Seguindo as pegados do Buda
    Sinopse: Considerada a melhor e mais fidedigna biografia jamais escrita sobre a vida do príncipe Sidarta Gautama, o Buda Sakiamuni, narrando os fatos e acontecimentos desde o seu nascimento até seu passamento, tornou-se um best-seller mundial irreprimível, com mais de quatro milhões de exemplares vendidos somente nos Estados Unidos.
    Encontramos, aqui, o contexto histórico detalhado, os acontecimentos e as condições que produziram um dos maiores sábios da humanidade, além de ensinamentos espirituais que, desde dois milênios atrás, ainda hoje, continuam a inspirar pessoas em todo o mundo.
    Thich Nhat Hanh, em seu inigualável estilo poético, dotado de uma simplicidade profunda e comovente, além de reconstituir e narrar a vida de um dos maiores mestres da humanidade, ele transmite ao leitor a essência viva destes ensinamentos maravilhosos, voltados à compreensão, à paz, à alegria e ao amor.
  • A Arte de Viver: Encontre a paz e a liberdade aqui e agora
    Sinopse: De um dos maiores líderes espirituais do mundo, pioneiro do mindfulness no Ocidente.
    Um livro inspirador e estimulante como poucos, em que Thich Nhat Hanh demonstra a importância de olharmos para nós mesmos e desenvolvermos a compaixão, tanto na relação com os que nos são mais próximos como com o mundo em geral.
    Repleto de histórias e experiências notáveis, o grande mestre budista apresenta variadas práticas (como a de desprender-se) e conceitos (como o de entre-ser) que o ajudarão a apreciar mais plenamente a vida.
    Este livro propõe um caminho com tempo para existir, que envolve cinco práticas de mindfulness: a reverência pela vida; a consciência de que a felicidade depende da nossa atitude mental; a prática do amor verdadeiro; um discurso terno e uma escuta profunda; e, por fim, um consumo consciente.
  • A Arte do Poder
    Sinopse: O poder e seus caminhos por vezes tortuosos, apoiado na violência, no radicalismo e na intolerância, é o tema do livro do monge budista Thich Nhat Hanh. Com ‘A arte do poder’, ele procura mostrar que a filosofia zen budista pode ser um antídoto para aplacar a sede de autoridade que assola os homens, tanto na vida pública quanto na privada, impedindo-os de alcançar a verdadeira felicidade.

Livros de mestres da Tradição das Florestas: Essa tradição faz parte do Budismo Theravada. Uma grande parte desses livros são gratuitos e de distribuição livre e os mestres dessa tradição são amplamente respeitados. Um dos mais conhecidos é o Ajahn Chah, mas muitos dos seus discípulos também escreveram ótimos livros. Você pode pedir a uma gráfica que imprima e encaderne um livro para que o possa oferecer. 3 sugestões:

  • Um Sabor de Liberdade – Ajahn Chah
    Excerto: “Podemos aprender o Dhamma a partir da natureza, das árvores por exemplo. Uma árvore nasce devido a causas, e cresce seguindo um curso natural. Ao nosso redor uma árvore está a nos ensinar o Dhamma, mas nós não entendemos isso. No devido tempo, ela cresce e cresce até que floresce e frutas vão aparecer. Tudo o que vemos é a aparência das flores e frutas; somos incapazes de trazer isso para dentro de nós e apreciá-lo. Assim, não sabemos que uma árvore nos está a ensinar o Dhamma. A fruta aparece e nós limitamo-nos a comê-la sem investigar: doce, azeda ou salgada, é a natureza da fruta. E isso é o Dhamma: o ensinamento da fruta. Em seguida, as folhas envelhecem. Elas murcham, morrem e caem da árvore. Tudo o que vemos é que as folhas caíram. Pisamos nelas, varremo-las, e é tudo. Não investigamos profundamente e assim não sabemos o que a natureza nos está a ensinar. Mais tarde novas folhas vão surgir e apenas vemos isso sem tirar conclusões. Não trazemos essas coisas para a nossa mente de forma a contemplá-las”. [link]
  • Folhas da Arvore Bodhi: Ensinamentos de Ajahn Chah e seus discípulos
    Sinopse: Este livro é uma compilação de textos escolhidos e traduzidos com o intuito de levar o Dhamma, versado por monásticos séniores da Linhagem de Ajahn Chah, aos países lusófonos, de forma a que estes possam melhor compreender e beneficiar dos ensinamentos do Buddha. Que o ensinamento aqui expresso possa contribuir para a consciencialização e libertação de todos os seres. [link]
  • Estratégia Nobre: Ensaios sobre o Caminho Budista – Thanissaro Bhikkhu
    Sinopse: Os ensaios contidos neste livro apresentam perspectivas sobre os elementos básicos no caminho budista — as atitudes, conceitos e práticas que conduzem à liberdade total da mente. Se as perspectivas forem corretas, elas próprias formam parte do caminho. Assim sendo, para poder aprender a fazer o melhor uso possível destes ensaios, é importante entender como perspectivas funcionam para que elas possam dar origem à liberdade. [link]

Outras Sugestões de livros de mestres budistas:

  • Alegria de Viver – Yongey Mingyur Rinpoche [Trecho]
  • Buda rebelde: Na rota da liberdade – Dzogchen Ponlop Rinpoche [Trecho]
  • O que não faz de ti um budista – Dzongsar Jamyang Khyentse [Trecho]
  • O Livro Tibetano da Vida e da Morte – Sogyal Rinpoche [Trecho]
  • O Livro Tibetano dos Mortos
  • Mente Zen, Mente de Principiante – Shunryu Suzuki [Trecho 1 | 2]
  • Verdadeiro Zen, seguido de Introdução ao Shobogenzo – Taisen Deshimaru [Trecho]
  • Shinran: Sua Vida e Pensamento – Norihiko Kikumura
  • No que os Budistas Acreditam  –  K. Sri Dhammananda [link]

Sugestões de livros relacionados com o budismo:

  • A Arte da Meditação – Daniel Goleman
  • Os Vagabundos do Dharma – Jack Kerouac
  • Siddhartha – Hermann Hesse
  • A Gata do Dalai Lama – David Michie

Na página Livros, eBooks e Weblivros, que consta neste site, você encontra obras das várias tradições do budismo (Theravada, Mahayana e Vajrayana), além de outras referências. Em Mestres e Professores, existe uma ampla lista de mestres; todos eles são excelentes, você também pode pesquisar as suas obras para tentar encontrar um bom livro para oferecer.


Bónus – Livros de Yuval Noah Harari: Ainda que Yuval não seja um mestre budista e os seus livros não sejam propriamente sobre budismo, Yuval Noah é professor assistente de meditação budista Vipassana (cursos de S. N. Goenka). Os seus livros embora não seja sobre budismo, só foram possíveis devido à sua experiência com meditação Vipassana e ao conhecimento que veio do Buda. Yuval Noah Harari é um professor israelita de História e nos últimos anos os seus livros ficaram sobejamente conhecidos e são amplamente recomendados. O primeiro livro que li dele foi o Homo Deus (que foi o 2º publicado) e achei um livro extraordinário. Li depois o Sapiens (o 1º publicado) e atualmente estou a ler o 21 Lições para o Século XXI (3º e último publicado). Ficam aqui as sinopses dos 3 livros:

  • Sapiens: História Breve da Humanidade
    Sinopse: Recorrendo a ideias da paleontologia, antropologia e sociologia, Yuval Noah Harari analisa os principais saltos evolutivos da humanidade, desde as espécies humanas que coexistiam na Idade da Pedra até às revoluções tecnológicas e políticas do século XXI — que nos transformaram em deuses, capazes de criar e de destruir. Esta é uma obra desafiadora, desconcertante e inteligente, uma perspetiva única e original sobre a nossa História e o impacto do ser humano no planeta.
  • Homo Deus: História Breve do Amanhã
    Sinopse: Chegámos ao próximo passo evolucional: Homo Deus.
    Homo Deus explora os projetos, sonhos e pesadelos que darão forma ao século XXI — desde o vencer da morte à vida artificial. Sucessor do bestseller internacional Sapiens: História Breve da Humanidade, coloca as questões fundamentais: para onde seguir a partir daqui? Como proteger o mundo dos poderes destrutivos do ser humano?
    A guerra desapareceu.
    É mais provável cometer suicídio do que morrer num conflito armado.
    A fome está a desaparecer.
    É mais alto o risco de obesidade do que de fome.
    A morte tornou-se um simples problema técnico.
    Não alcançámos a igualdade — mas estamos perto de alcançar a imortalidade.
    A história começou quando os homens inventaram os deuses e terminará quando os homens se transformarem em deuses.
    O que nos reserva o futuro?
  • 21 Lições para o Século XXI
    Sinopse:Qual o verdadeiro significado dos eventos que hoje testemunhamos e como poderemos lidar com eles à escala individual? Que desafios e escolhas se nos deparam? O que poderemos legar ou ensinar aos nossos filhos? Algumas das questões que procurarei explorar e dar resposta incluem o significado da ascensão de Trump, se Deus estará ou não de regresso ao nosso mundo, se o nacionalismo pode ser a resposta a problemas como o aquecimento global.
    O livro está dividido em 5 partes (O Desafio Tecnológico, o Desafio da Política, Desespero e Esperança, Verdade, Resiliência), cada uma delas com questões dedicadas a temas específicos, no total de 21 lições para o século XXI.
    Nota do Autor: O meu novo livro debruçar-se-á sobre o estado presente do mundo.
    Em Sapiens, o meu primeiro livro, revisitei o passado do homem, descrevendo o modo como um macaco insignificante se tornou o dono do planeta Terra.
    No meu segundo livro, Homo Deus, explorei uma visão a longo prazo do futuro da vida humana, contemplando como poderemos eventualmente tornar-nos deuses, e refletindo sobre os limites até onde a nossa inteligência e a nossa consciência nos poderão levar.
    O meu novo livro debruçar-se-á sobre o estado presente do mundo.

Veja também:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.