Budismo Geral Ensinamentos Theravada

O que é o despertar (ou iluminação)?

Siddhartha Gautama, também conhecido por Shakyamuni (o sábio do clã dos Shakyas), após inúmeras práticas encontrou o caminho para a mais alta realização espiritual.

Após a sua realização, passou a chamar-se de Buda. A palavra Buda significa desperto, aquele que despertou, ou, por outras palavras, o Iluminado.

“O Buda ensinou que o ser humano não iluminado vive num estado que pode ser comparado a estar a dormir, ou a um sonho. Através da clara luz da sabedoria, e sem qualquer ajuda, o Buda foi aquele que despertou desse sonho, para a verdadeira natureza da existência. Guiado pela compaixão, o Buda é aquele que procurou partilhar a sua compreensão da via do despertar, com todos os seres que desejaram seguir as suas pisadas.”  – Ajahn Jayasāro

Iluminação é uma palavra que vem do iluminísmo europeu. Quando os primeiros europeus tiveram contacto com o budismo, começaram a aplicar o termo iluminação nas traduções dos textos budistas. Um termo que embora não seja o mais preciso é amplamente utilizado e caracteriza bem a realização de Buddha.

Ajahn Jayasāro, no livro Por Fora e Por Dentro, diz o seguinte sobre a iluminação:

“A iluminação refere-se à libertação do sofrimento e das aflições mentais ou ‘obstáculos’ que são a sua causa. É a realização da própria natureza de ‘como as coisas são’. Um ser iluminado compreende a natureza condicionada dos fenómenos impermanentes e vivencia o Nibbāna, a realidade incondicionada subjacente. O Buda referia-se a este estado como a ‘felicidade suprema’. A mente iluminada caracteriza-se pela sabedoria, compaixão e pureza. O Buda ensinou que todos os seres humanos, masculinos e femininos, nascem com o potencial da iluminação.

O Buda falou dos quatro estádios de iluminação, e consequentes quatro tipos de seres iluminados. O primeiro destes seres é ‘o que entra na corrente’, o segundo ‘o que volta uma vez’, o terceiro ‘o que não volta’, e o último é o totalmente iluminado ‘o arahant’. O alcançar destes estados depende da prática do Óctuplo Caminho enunciado pelo Buda. O seu resultado é assinalado pelo total desaparecimento na mente de certos estados mentais confusos. Já não é possível regressar a partir de tal estado. Aquele que alcança o primeiro estádio de iluminação deve assegurar-se de alcançar o estádio final no prazo máximo de sete vidas. Ela, ou ela, entrou na corrente que conduz irrevocavelmente ao oceano do Nibbāna.”

Veja também:

– OlharBudista > Recursos > Budismo Básico –


Sobre Ajahn Jayasāro | Lista de Mestres e Professores

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.